ciclos de simbolização.jpg

Ciclos de Simbolização

Os Ciclos de Simbolização são uma proposta de Loris Malaguzzi, estruturada por George Formam (1999) sobre a investigação gráfica como plataforma para as crianças estruturarem suas teorias. No OBECI, a escolha em iniciarmos, em 2015, um GIA tratando desse tema se deu por um especial interesse no desenho uma vez que já vínhamos discutido desde anos anteriores a respeito.

 

Havíamos percebido que as práticas com desenhos nas escolas pendulavam entre oferecer para as crianças desenhos prontos, estereotipados, ou, constantemente, uma folha em branco, sem nenhum tipo de intervenção.

Fui entendendo junto ao Grupo Gestor que essas práticas em relação ao desenho dizem muito dos modos como os professores estão agindo na Educação Infantil. Em outras palavras, ou se permanece em uma pedagogia diretiva, centrada no adulto (desenho pronto), ou, então, nas pedagogias não diretivas, que abandonam as crianças, supondo que a simples relação destas com o material riscante e a folha branca fará com que descubram os mistérios e as alegrias de registrar no papel suas teorias a partir do desenho.

 

Nesse caso, e essa foi uma frase repetida pelo grupo do OBECI inúmeras vezes, percebemos que o desenho era o mote para o debate de tantos outros aspectos da relação educativa. Por isso, o que estava em jogo era descobrir como ser professor de crianças pequenas, mas também ampliar a compreensão sobre o desenho como uma das linguagens das crianças. O que permanecemos em busca, em termos de Pedagogia, são aquelas epistemologias relacionais, pois, conforme já tratei em outro texto,

[...] é possível colocar em relação tanto os saberes das crianças quanto os saberes dos adultos. Não se trata de uma pedagogia não diretiva, que supõe que o que as crianças precisam aprender já nasce com elas, que é inato a elas.

Também não é o contrário, uma pedagogia diretiva, que percebe a criança como vazia, tabula rasa, cabendo ao adulto “preenchê-la” com os saberes já adquiridos por ele (FOCHI, 2016a, p. 5).

 

O Grupo de Investigação-Ação dos Ciclos de Simbolização foi dado continuidade até o ano de 2017, e fomos ampliando a participação dos professores com mais representantes de cada escola, além dos coordenadores e/ou diretores. Esse GIA é voltado para aqueles que trabalham com as turmas de pré-escola.

Informações gerais

Público e período
Professores de Pré-escola
Coordenadores Pedagógicos
 
2015 - 2017
Produções
Folheto: Com olhos de criança
Participantes
Paulo Fochi (coord); Luciane Varisco; Luciane Piva; Silvana Menta; Carolina Kussler;
Roberta Gomes; Raquel Duarte;
Ivana Marques; Vanessa Pauli;
Kethy Franco; Tatiana Olivaes;
Liliane Ceron; Rafaela Flores;
Karin Becker; Alexandra Bitencourt; Carolina Freitas